Receptores de Parabólica

Home / receptorparabolica.com.br

Nesta matéria, vamos esclarecer algumas dúvidas sobre o funcionamento dos receptores de parabólica para facilitar a decisão de compra, se irá atender ou não as expectativas e como escolhermos o receptor mais indicado as nossas necessidades.

Existem 2 tipos de bandas para satélite, uma é a chamada Banda KU, esta é uma freqüência onde geralmente é utilizada para TV por assinatura. Nesta freqüência as parabólicas são geralmente pequenas com medidas entre 45, 60 e 90cm aliadas a um LNB de banda KU que será compatível com os receptores das TVs por assinatura como Claro TV, Sky etc. Nesta matéria não iremos abordar as parabólicas de Banda KU e sim as parabólicas de Banda C que são uma solução não paga, ou seja, grátis de ter um sinal de TV de qualidade em locais com sinal de TV aberta terrestre ruins ou inexistentes.

Receptor de Parabólica

As parabólicas de banda C, se originaram na década de 60, com o inicio das transmissões de TV no Brasil. Na época, as emissoras produziam a programação nacional e enviavam via satélite para suas subsidiárias em todo o Brasil, estas subsidiárias, pegavam este sinal e inseriam os comerciais locais alem dos jornais e programas locais, ou seja, toda a programação local e transmitiam por antenas terrestres para a região. Algumas empresas sabendo que a programação nacional estava sendo transmitida via satélite, começaram a produzir e comercializar antenas parabólicas para "interceptar" essa programação nacional e assim surgiram as parabólicas de banda C. Tanto isso é verdade que até não muito tempo atrás não haviam comerciais no sinal da parabólica, somente uma tela preta ou azul entre os programas.

Receptor de Parabólica

E por este motivo, como exemplo da Rede Globo na parabólica, toda a programação como jornais e jogos de futebol são do estado do Rio de Janeiro, ou seja, se adquirir uma parabólica em qualquer estado Brasileiro, você ira assistir a programação do RJ pois a sede da Globo é carioca.

Quais canais você irá assistir na sua cidade?

A programação da parabólica apontada para o satélite Starsat C2 é a mesma em todo o Brasil, ou seja, no Rio Grande do Sul você irá assistir os mesmos canais que outra pessoa no estado do Amazonas, segue a lista de canais:

Somente no analógico tem a Globo, SBT, Rede TV e Band. Já os canais digitais, somente serão sintonizados caso você adquira um receptor analógico e Digital, se utilizar um receptor somente analógico você não ira sintonizar os canas a direita em azul.

Outra informação muito importante é que os canais digitais, em azul, são provenientes de Minas Gerais e NÃO SÃO EM ALTA DEFINIÇÃO, ou seja, apesar deles estarem sendo transmitidos digitalmente, eles não tem resolução 1080i e os receptores de parabólica, na sua grande maioria não vem com saída para cabo HDMI. Resumindo, a qualidade deles é semelhante aos canais analógicos em amarelo.

Receptor de Parabólica

Como escolher entre os diversos tamanhos de antenas parabólicas, qual você deve comprar?

Esta é outra informação muito importante! O tamanho mínimo para se conectar no satélite de Banda C é utilizando uma parábola ou antena de 1,5metros, porém no estado do Rio Grande do Sul, devido a sua distancia da linha do equador, o tamanho mínimo é de 1,70 metros.

Respeitando testes tamanhos mínimos, quanto maior a parábola mais ela irá resistir ao mal tempo pois quando nuvens carregadas preenchem o céu, o link entre a parabólica e o satélite pode ser interrompido, assim, se optar por uma parábola maior de 1.9, 2.0, 2.3 metros ela irá resistir mais com o bloqueio do mal tempo. Devemos lembrar que as parábolas maiores tem um custo maior então estude o melhor custo benefício para sua região.

Deseja instalar a parabólica para mais de um ponto de TV, o que você deve fazer?

Para instalar a parabólica para mais de um ponto de TV você deve comprar um LNB multiponto, para somente um ponto de TV o LNB você pode comprar o LNB monoponto.

O LNB é uma peça que é instalada no "braço" da parábola, é ele que ira receber o sinal do satélite e enviar ao receptor.

Receptor de Parabólica

Utilizando o LNB Multiponto você poderá conectar até 10 pontos de TV, porem você deverá utilizar divisores com a freqüência de 1.000-2.400MHz ou 5-2.400MHz e cada ponto de TV você ira precisar adquirir um receptor.

Não importa qual é o fabricante da sua parábola, do LNB ou do receptor, qualquer um irá funcionar. Ex. Se você tiver uma parabólica de um fabricante e quiser comprar outro LNB de outra marca e o receptor também de outro fabricante diferente, tudo irá funcionar sem problemas.

Como instalar uma parabólica? Posso trocar somente o receptor?

O principal entrave na instalação de uma antena parabólica é o apontamento da parábola. Recomendamos que um técnico realize a instalação pois algumas ferramentas são necessárias como Inclinometro e Satelite Finder que localizam a exata posição da antena para que ela fique apontada para o satélite. Lembrando que nada pode estar na frente da antena parabólica, nem arvores.

Mas caso você tenha uma parabólica já instalada e você deseje trocar o receptor analógico por outro analógico ou ate mesmo por outro receptor que seja analógico e digital você pode fazer isso sem problemas, não tem a necessidade de trocar a parábola o LNB ou mudar a posição da antena, com um receptor analógico ou Anadigi (analógico e digital) você somente troca o receptor e realiza a configuração do aparelho dependendo do fabricante.

Como transformar sua parabólica Monoponto em Multiponto?

Basta adquirir um LNB Multiponto e substituir o LNB monoponto da sua parabólica, comprar outro ou outros receptores (cada um pode ser de uma marca, ou uns analógicos e outros anadigi). Utilizar um divisor com o numero de saídas compatível com os pontos de TVs, passar o cabeamento e realizar a configuração dos receptores.

Como instalar uma antena parabólica em Hotéis, Prédios ou Condomínios ?

Não vamos entrar muito a fundo neste assunto mas iremos explicar resumidamente o que é feito nestes casos.

Para Hotéis, Pousadas, Prédios ou Condomínios, o numero de pontos pode chegar a por exemplo 50 TVs. Neste caso o proprietário irá adquirir somente uma antena parabólica, geralmente acima de 2,0metros para garantir um bom sinal para todos os quartos e ao invés de comprar 50 receptores, é necessário adquirir um Rack de Banda C. O rack de Banda C irá substituir todos os receptores levando somente o cabo coaxial para os pontos de TV.

Portanto, os Racks de banda C se conectam em somente uma antena parabólica e amplifica e distribui o sinal para os pontos de TV.

Os preços dos Racks de Banda C variam de acordo com o numero de canais que você irá sintonizar sendo os menores de 7 canais, ou seja, você ira escolher dentre os canais analógicos somente 7 canais para distribuir para todos os pontos de TV, ou optar por configurações de 8-9-10-12-14-16 canais lembrando que o preço do Rack aumenta de acordo com o numero de canais que ele irá sintonizar.

Rack de Banda C